quinta-feira, 8 de maio de 2014

Meu ABC na Biblioteca Pública Pelotense

 A abertura da Exposição Meu ABC, de Erico Verissimo ocorreu no dia 02/04/2014, às 18 horas e 30 minutos, na Biblioteca Pública Pelotense. Ao som de flauta, neste dia, os presentes puderam conhecer fotografias das capas e páginas internas do livro mais raro de Eric Verissimo, descobertas em 201 pela pesquisadora Cristina Maria Rosa.

Cristina Rosa apresentando ao público detalhes de sua pesquisa.
Uma vista completa da exposição no salão principal de BPP, em 26/04/2014

Aos presentes, Cristina ressaltou detalhes do Abecedário Meu ABC, de Erico Verissimo.


O encerramento da Exposição contou com uma audição de Flauta, do artista pelotense Daniel Castro. 

Guilllemo Gómez, estudante de Ciências Sociais, esteve presente no encerramento da Expoisção.

Uma das telas do Abecedário que apresenta a primeira capa e a guarda.

Meu ABC na Casa de Cultura Mário Quintana

No dia 06/05, no hall da Biblioteca Lucília Minssen, ocorreu a abertura da Exposição Meu ABC, de Erico Verissimo. Ela retrata as capas e o miolo do Abecedário publicado por Verissimo em 1936, além de registro da história da Exposição que já esteve no Museu CEEE Erico Verissimo e na Biblioteca Pública Pelotense.
Aqui, o hall da Biblioteca. Suas curvas agregaram uma intensa experiência estética a quem esteve lá. 

Cristina Rosa apresentando características do Abecedário aospresentes.
No dia do lançamento, houve uma participação da autora no Programa Estação Cultura, da TVE.
Acesse o link da entrevista: 

Alfabeteando...

Olá, bem vindo!

Um "Alfabeto à parte" foi criado em setembro de 2008 e tem como objetivo discutir a leitura e a literatura na escola. Nele disponibilizo o que penso, estudos sobre documentos raros e meus contos, além de uma lista do que gosto de ler.

Em 2013 concluí pesquisa sobre o Abecedário Ilustrado Meu ABC, de Erico Verissimo, publicado pelas Oficinas Gráficas da Livraria do Globo em 1936. O lançamento do livro e sua repercussão estão no Blog. Alguns artigos sobre a pesquisa também. Leia e dê sua opinião.

A novidade, em 2015, foi a inauguração da Sala de Leitura Erico Verissimo, um sonho antigo que agora se realiza. Em 2016, o processo de restauro da Biblioteca na Escola Fernando Treptow, inaugurada em 25 de novembro.

Em 2017 estou produzindo a Biografia de João Bez Batti. Através de relatos pessoais nos quais a criançaque João foi é a personagem principal, recosntruo, com narrativas litetárias, seu descobrimento como escultor. Bilíngue (português e italiano) o livro tem data para ser lançado: 11/11/2017.

Abraço

Cristina